Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

DecLei 1.600 - 1978

Salvar em PDF

 

DECRETO-LEI Nº 1.600, DE 3.1.1978 - DOU 4.1.1978

Altera, para o exercício de 1978, a distribuição do produto da arrecadação dos impostos que menciona.

O Decreto Legislativo nº 15, de 19.4.1978 - DOU 20.4.1978 - aprovou o texto deste Decreto-Lei.

O Presidente da República, no uso da atribuição que lhe confere o artigo 55, item II da Constituição e tendo em vista o disposto no artigo 6º da Lei nº 6486, de 09 de dezembro de 1977,

DECRETA:

Art. 1º. No exercício financeiro de 1978, a parcela correspondente a 25% (vinte e cinco por cento) da despesa fixada na Lei nº 6486, de 09 de dezembro de 1977, à conta dos Impostos Únicos sobre Minerais do País, sobre Lubrificantes e Combustíveis Líquidos e Gasosos e Adicional, sobre Energia Elétrica e os Impostos sobre Operações Financeiras, sobre os Serviços de Transportes Rodoviários Intermunicipal e Interestadual de Passageiros e Cargas, constituirá reserva especial, não podendo, por isso, ser objeto de fonte para a realização de despesas de qualquer natureza.

§ 1º. Aplica-se o disposto neste artigo à arrecadação que eventualmente exceder os valores fixados na referida Lei.

§ 2º. Não se aplica o estabelecido neste artigo e parágrafo primeiro às parcelas atribuídas aos Estados, Territórios, Distrito Federal e Municípios.

Art. 2º. Os valores correspondentes à reserva especial serão creditados pelo Banco do Brasil S. A. em conta especial do Tesouro Nacional e informados mensalmente à Comissão de Programação Financeira, discriminando os beneficiários dos recursos.

Art. 3º. A disponibilidade da parcela de 25% a que se refere o "caput" do artigo primeiro depende da autorização da Comissão de Programação Financeira, consoante o comportamento do fluxo de Caixa do Tesouro Nacional, podendo o referido montante total ou parcialmente, ser transferido para o primeiro trimestre de 1979.

Art. 4º. Este Decreto-lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Brasília, DF, 3 de janeiro de 1978; 157º da Independência e 90º da República.

ERNESTO GEISEL
Mário Henrique Simonsen
João Paulo dos Reis Velloso
Fim do conteúdo da página